fbpx

Richard Clayderman, o pianista de maior sucesso no mundo, vem ao Brasil para celebrar 70 anos de idade e 45 anos de carreira


Celebrando 70 anos de idade e 45 anos de carreira, o pianista de maior sucesso no mundo, Richard Clayderman, chega ao Brasil em Junho para quatro shows da turnê mundial, Richard Clayderman 70 Celebration.

No Brasil, os shows acontecerão nos dias 06 de Junho em São Paulo no Espaço Unimed, dia 07 de Junho em Curitiba no Teatro Guaira, dia 08 de Junho no Rio de Janeiro, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro e no dia 09 de Junho em Belo Horizonte no Palácio das Artes.

“Venho ao Brasil a muitos anos e aqui me sinto em casa. Não poderia deixar de celebrar meus 70 anos e 45 anos de carreira com todos meus amigos brasileiros. Os shows serão uma mistura de minhas músicas originais, com muitas musicas românticas sendo algumas temas de filmes clássicos. Espero que todos se divirtam”.

Antes de chegar ao Brasil, Richard fará incríveis 52 datas na China em Dezembro, Janeiro e Fevereiro e passará pelos Estados Unidos, com shows em locais icônicos como o Carnigie Hall em Nova Iorque.

Compre aqui o seu ingresso!

Os 45 anos de Carreira de Richard Clayderman em números

Se apresentou em 2.800 shows ao redor do mundo

Gravou mais de  1.400 músicas

Vendeu mais de  90 milhões de álbuns

Ganhou mais de  340 discos de ouro e platina

Se apresentou em mais de 770 shows no Japão

Se apresentou em  461 shows na China  (totalizando 2 milhões de espectadores)

Ficou fora de casa por mais de  22 anos

Sendo destes 2 anos no Japão

Recebeu mais de 50.000 buques de flores

Deu a seus fãs mais de 3.000 rosas

Voou mais de 3 milhões de quilometros (70 vezes a volta ao mundo e 9 vezes a distancia entre a Terra e a Lua)

Voou em mais de  5.000 aviões diferentes

Viajou em mais de 30.000  carros

Viajou mais de 70 vezes para a América do Sul

Viajou para a China mais de 50 vezes

Viajou para a Australia mais de 10 vezes

Viajou para a América do Norte mais de 30 vezes

Tocou em mais de  4.500 pianos diferentes

Foi convidado a fazer mais de 700 apresentações na televisão

Se apresentou para mais de 6 milhões de pessoas

Assinou mais de 70000 autógrafos

Tocou « Ballade pour Adeline » mais de 9.000 vezes

Se apresentou com:

 The London Royal Philharmonic Orchestra

 The Tokyo Symphony Orchestra

 The Queensland Symphony Orchestra de Australia

 The New Zealand Symphony Orchestra

 The Beijing Radio Symphony Orchestra

 The Hong Kong Symphony Orchestra

 The Shanghai Philharmonic Orchestra